[ editar artigo]

Desenvolvendo uma comunidade a partir da economia criativa e das vocações locais

Desenvolvendo uma comunidade a partir da economia criativa e das vocações locais

Empreendedora social, líder comunitária, historiadora, consultora e palestrante são alguns atributos que definem a paraibana Luciana Balbino. Interiorana que não perde as raízes, semeia todos os dias o conceito de que as vocações locais podem mudar o cenário e trazer desenvolvimento para a região.

Em sua trajetória consta a ação que a projetou para o Brasil: conferir a uma comunidade carente do interior da Paraíba o status de território turístico sustentável.  Utilizando os conceitos da economia criativa, Luciana Balbino transformou a comunidade de Chã de Jardim, que fica localizada no brejo paraibano na cidade de Areia, e dista 118 km da capital, João Pessoa. Neste local ela propôs, articulou e implantou uma cadeia produtiva turística que envolveu os agricultores familiares, as mulheres empreendedoras, os artesãos, os jovens locais e outros empreendedores de segmentos correlatos. O projeto surgiu a partir da observância das oportunidades e vocações locais, principalmente da rica gastronomia, do artesanato e dos recursos naturais que se materializam na experiência possibilitada durante a visita.

O amplo projeto da comunidade Chã de Jardim conta com um restaurante rústico de culinária regional rural Vó Maria, loja de artesanato e souvenirs, loja de produtos alimentícios de base animal (embutidos, queijos) e vegetal (doces, compotas, polpas, bebidas, sorvetes e picolés), e um camping hotel. Luciana desempenha papel preponderante a frente da gestão desses negócios, além de dividir a sua agenda com a participação em eventos estaduais, regionais e nacionais com a intenção de inspirar outras comunidades. O projeto já impacta 52 famílias. Estima-se que ainda alcance mais de 200 famílias indiretamente. A repercussão estadual foi tamanha que a experiência da comunidade Chão de Jardim já se tornou um case de sucesso nacional e internacional.

O senso de pertencimento, a criatividade e a participação são os principais elementos que Luciana Balbino trabalha junto aos que participam da comunidade. Todos têm oportunidades, desde que as vocações locais sejam evidenciadas.

Assim, Luciana Balbino consegue ter voz ativa, ser seguida, tem alto nível de grau de convencimento, e inspira todos para uma transformação sustentável do território. Com todas essas características presentes em sua abordagem, Luciana Balbino desponta como uma das principais lideranças do estado que assumem o desafiador papel de promoção do desenvolvimento local sem a perda das origens e do que ela nos traz de melhor.

Polo de Liderança Sebrae
Luciano de Holanda de Souza
Luciano de Holanda de Souza Seguir

Analista Técnico do SEBRAE Paraíba, ocupando atualmente a Gerência da Unidade de Desenvolvimento Territorial e Políticas Públicas. Me. em Aprendizagem Organizacional; Administrador com habilitação em Gestão Pública; Pedagogo.

Ler conteúdo completo
Indicados para você