[ editar artigo]

Pensar dói e dá trabalho

Pensar dói e dá trabalho

Certa vez ouvi o jornalista Juca Kfuri explicar o procedimento tático da nossa seleção: “Aqueles dois que estão lá na frente são apenas carregadores de bola. A seleção precisa é de jogadores pensadores e não de carregadores de bola.” Saudades do Gerson e do Didi. Eles, sim sabiam conduzir as partidas com inteligência - jogadores estrategistas fazem uma diferença enorme no jogo. O rei do boxe Cassius Clay, outro estrategista refinado, fez uma brilhante carreira vencendo lutadores muito mais fortes do que ele, pensando em como iria conduzir suas lutas. E na Fórmula 1, não vi ninguém pensar melhor a corrida e o campeonato do que Emerson Fittipaldi. E nas empresas será que há mais carregadores de bola ou estrategistas?

Sobram títulos de MBAs, doutores e especialistas – faltam pensadores

Num momento em que sobram títulos de MBAs e diplomas de doutores, faltam pensadores, principalmente os do óbvio e da simplicidade. Vi uma empresa sofrendo constantes prejuízos na entrega dos seus produtos porque os carregadores de caminhão e freteiros, pisavam em cima das caixas e quebravam algumas peças. Compradores e vendedores estavam roucos de tanto clamar por uma solução, mas nada. Ninguém se dava ao trabalho de pensar em resolver o problema. Depois de muito tempo recolhendo produtos quebrados das lojas, passando por todo o processo de devolução e prejuízos enormes, o presidente da empresa se dispôs a ir à linha de produção e em cinco minutos encontrou a solução: apenas um calço, um simples calço, no lugar certo resolveu de vez o assunto. Será que ninguém poderia ter pensado nisto antes? Uma solução tão óbvia.

Quando você pede para alguém pensar por você está transmitindo poder a ele

A maior parte das pessoas tem preguiça de pensar e delega esta tarefa para outros. Pensar exige concentração, disposição para a criatividade, dá trabalho e cansa. Então voltam-se para a ação sem ter passado pela reflexão. Pular de uma atividade que exige ação para a atividade do pensar é como pular de uma esteira rolante para o chão fixo. Você cai.

Um dos limitantes nas atividades do pensamento no ambiente empresarial é a interrupção contínua do trabalho que está sendo realizado. Sempre há alguém ou algum assunto para nos tirar da linha do pensamento. São os telefones, os visitantes, as reuniões e as redes sociais. Ora, nosso cérebro funciona como um circuito elétrico e cada vez que você corta o fluxo ele tem que voltar e fazer tudo de novo, ligar as sinapses na ordem do raciocínio interrompido e recomeçar a trilha. Por isso, se você quer ser um pensador, procure isolamento, aprenda a arte da concentração e peça para não te interromperem. Quando for trabalhar numa estratégia, seja ela de vendas, de marketing ou de produtos procure o delírio, isto é, pense sobre tudo o que for possível e impossível. É na quantidade que você vai chegar à qualidade. Thomas Edison, um grande pensador, dizia: “para se ter uma boa ideia tenha muitas”.

Gerentes e pequenos empresários mais focados na ação do que na estratégia do negócio

Tenho observado que gerentes, pequenos e médios empresários ficam mais focados nas atividades que exigem ação e acabam por não ter tempo nem energia para pensar nas estratégias de vendas e de negócios. É justamente pelo trabalho da estratégia que serão julgados.

Os temas inovação e criatividade estão com toda força no ambiente empresarial. E só se faz inovação em uma empresa se ela souber atrair bons pensadores e criativos. Se alguém gosta de pensar e propor soluções inovadoras onde trabalha e não tem o merecido apoio, com certeza irá sair da empresa e mudar para a concorrência. O excesso de burocracia traz grande prejuízo para a criatividade. E aí é que está o grande desafio: saber reter boas cabeças no seu time.

Por Eloi Zanetti

Um líder além das capacidades de pensar na estratégia e de observar a ação, também precisa de outras habilidades para que seu time tenha um auto desempenho. A comunicação, o estilo da liderança, o feedback, as reuniões construtivas e a delegação de responsabilidades são fundamentais para esse grande desafio empresarial.

Ficou curioso para saber mais sobre isso? Acesse o site do Polo de Liderança Sebrae agora mesmo.

Polo de Liderança Sebrae
Ler conteúdo completo
Indicados para você